Perder Peso

Perder Peso

Muitas pessoas passam pelo temido “efeito sanfona” depois de fazer várias formas de dietas, acabam recuperando o peso que perderam durante o regime, e isso num espaço de tempo muito rápido.

Normalmente o fato acontece pela descontinuidade e manutenção do tratamento. Muitos pacientes acham que já emagreceram o bastante, e com isso param de seguir as orientações do endocrinologista e/ou nutricionista.

Diante desta atitude observamos claramente o efeito sanfona. De acordo com especialistas uma dieta correta e seguida da pratica de exercícios físicos o paciente perderá em torno de meio kg a 1 kg por semana, já no Efeito Sanfona (ES) o paciente acaba por realizar um regime fora de controle, com perda muito rápida, porem o ganho também vem muito rápido e chega às vezes a um aumento muito maior do que a perda que ele obteve.

Efeito Sanfona

Efeito Sanfona

Como Emagrecer e Evitar o Efeito Sanfona

Para que aconteça de fato a perda de peso e que este não volte mais é necessário que o paciente em primeiro lugar entenda que tem uma doença crônica, cujo nome é obesidade e terá que se tratar pelo resto da sua vida.

Dieta Alimentar

Dieta Alimentar

Posterior a esse entendimento deverá dar inicio a uma dieta com objetivo de uma reeducação alimentar e esta não seja sofrida ou cheia de privações. A dieta deverá ser orientada por um especialista e conforme o estilo e o dia a dia de vida do paciente.

Atividades Fisicas

Atividades Fisicas

Além da dieta outro fator de extrema importância para emagrecer é adquirir o habito das atividades física, especialmente depois dos 3O anos, época em que o metabolismo diminui e é somente através dos exercícios que a musculatura se fortalecerá evitando assim as possíveis dores da osteoporose.

Uma dica para emagrecer muito importante, segundo especialista, é que após a dieta e a perda desejável do peso, o paciente prossiga adotando uma regra, onde a cada quilo de peso perdido fazer um mês de manutenção, ou seja, se o paciente perder 30 kg fará 30 meses a mais de tratamento, e se após este período o paciente não engordar receberá alta.

O paciente receberá alta, no entanto, o mesmo não deverá esquecer jamais que tem uma doença crônica e que esta deverá ser tratada conscientemente pelo resto da vida, portanto que não haja abusos e as atividades físicas deverão fazer parte do seu dia a dia de forma a manter uma vida saudável e o corpo em forma.

 

Leia Mais:

0 Comentários

Você pode ser o primeiro a comentar.

Comentar